Rubens Lemos, o Rubinho

Em por François Silvestre
Atualizado em 5 de janeiro às 01:09


Ouvi hoje, de um leitor cativo de jornais: “Sinto falta dos textos de Rubinho na imprensa do Rio Grande do Norte”. Eu também!


Comentários

Uma Resposta para “Rubens Lemos, o Rubinho”

  1. Rubens Lemos

    França:

    Você desconcerta esse coração fragilizado. Sinto-me num exílio em minha terra de muro baixo e adulações. Tu viveu a Ditadura com papai, sofreu em alma e carne o arbítrio. Hoje, como tudo se moderniza, até pelas linhas tortas, o silêncio é uma corrente de tirania poderosa e passageira. Haverá cruviana , aquela assombrosa rajada de vento das noites, para devolver a mim e a alguns, o direito de expressão. Cheiro! Rubinho.

    Responder

Deixar uma Resposta