O juiz pra Prefeito

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 19 de abril às 08:54


Em Mossoró não precisa de eleição, povo votando, candidatos.

O juiz eleitoral deveria comprar um “palitó” de posse e assumir logo a Prefeitura.


José Wilde esclarece assessoria

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 19 de abril às 07:22


O jornalista Jose Wilde de Oliveira Cabral, assessor do Ministério da Previdência, encaminhou carta ao Ministro Garibaldi Filho pedindo exoneração do cargo e esclarecendo a informação de que teria prestado serviços a empresas investigadas na Operação Lava Jato.

Abaixo a íntegra da carta de José Wilde:

Senhor Ministro Garibaldi Alves Filho,
Meios de comunicação social divulgaram a informação de que eu teria recebido recursos financeiros da empresa M. O Consultoria, investigada na Operação Lava Jato da Polícia
Federal.

Não tenho, nem nunca tive qualquer ligação com a empresa citada nas reportagens. É fato, porém, que no final de 2010, antes de ser nomeado para o Ministério da Previdência Social, prestei serviço de assessoria de imprensa a uma companhia paulista, que não esta ora investigada.

A firma para qual de prestei essa assessoria – obviamente com cláusula confidencialidade, como comum nessas questões de tratamento de imagem pública – desempenhava atividades legais no mercado.

A propósito, esse trabalho esporádico que então desempenhei não me permitiu tomar conhecimento de eventuais relações entre empresas, suas coligadas e outras companhias.

Causa-me, portanto, perplexidade e justa indignação por qualquer insinuação da mais remota ligação minha com pessoas ou organizações envolvidas em negócios escusos, especialmente neste caso, em que prestei serviços lícitos, não sendo de meu dever pesquisar a origem de recursos que, também licitamente, me foram destinados.

Sei, entretanto, que o julgamento não é só de Vossa Excelência, que conhece minha inteireza moral há décadas, e disso tem dado testemunho, o que muito me desvanece e conforta neste momento de sugestões gratuitas e injustas.

Mas, repito, o julgamento não é só de Vossa Excelência, que tem, como também eu, responsabilidades públicas a preservar.

Assim, para afastá-lo de pronto de cobranças indevidas, e para que eu possa defender minha honra longe de deveres funcionais, peço exoneração, em caráter irrevogável, do cargo de Assessor Especial do Ministro, que exerço no Ministério da Previdência Social.

Reiterando minha admiração, respeito e meu afeto por Vossa Excelência, aguardo serenamente o julgamento isento dos fatos.

José Wilde de Oliveira Cabral


Posto que descontou de frentista valor roubado em assalto é punido

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 19 de abril às 06:52


Um posto de gasolina foi obrigado a devolver R$ 500 descontados do salário de uma frentista após assalto durante o expediente da trabalhadora.

A juíza Laura Ramos Morais, da 6ª Vara do Trabalho de Brasília, considerou ilegal o desconto realizado pela empresa que alegou ser de responsabilidade da empregada o ressarcimento de parte dos R$ 617 que foram roubados enquanto ela trabalhava.

Na ação, ajuizada na Justiça do Trabalho, a frentista argumentou que o desconto violaria o artigo 462 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Em sua defesa, o posto alegou existir norma na empresa que autorizaria o desconto.

Mas, de acordo com a magistrada que analisou o caso na primeira instância, o empregador é proibido de efetuar qualquer desconto nos salários do empregado.

Segundo ela, a CLT entende como exceção para descontos, os casos em que a quantia for resultado de adiantamentos, ou ainda quando houver previsão em lei ou em contrato coletivo de trabalho, desde que o funcionário disponha do valor a ser descontado.

“O que sequer restou comprovado nos autos. Assim, reconheço a ilegalidade do desconto e defiro o pedido de ressarcimento de desconto indevido, decidiu a juíza da 6ª Vara de Brasília.

Deu no JusBrasil


Garibaldi entra na campanha de Larissa Rosado

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 19 de abril às 06:48


A campanha de Larissa Rosado e Alex Moacir à Prefeitura de Mossoró recebe reforço, neste sábado, do ministro da Previdência Social, Garibaldi Filho, e deputados estaduais.

O líder do PMDB participa de caminhadas da Unidos por Mossoró ao longo do dia.

Às 8h, candidatos e lideranças visitam o mercado do Vuco-Vuco; às 9h, iniciam caminhada União e Vitória, no Bairro Santo Antônio, de forma simultânea em dois trechos, um iniciando na Rua Epitácio Pessoa e outro, na Rua 6 de Janeiro com Av. Rio Branco).

A programação continua no bairro Santo Antônio, às 17h, com a passeata Unidos Por Mossoró, começando na Rua Lira Tavares (praça próxima à Panificadora V&M, por trás da UPA), e percorrendo as principais ruas do bairro mais populoso de Mossoró.

Fonte: Assessoria


Dilma cai em nova pesquisa do Ibope

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 17 de abril às 19:52


Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (17), mostra uma queda nas intenções de voto da presidente Dilma Rousseff (PT). A petista caiu de 43% no levantamento divulgado em março para 39%.

O senador Aécio Neves (PSDB) somou 16% das intenções de voto, ante 15% no levantamento anterior.

O ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB), obteve 8% das intenções de voto, ante 7% na mostra de março. Nesse cenário, brancos e nulos somam 26%; indecisos, 11%.

No cenário em que a ex-senadora Marina Silva (PSB) substitui Eduardo Campos (PSB) como cabeça de chapa, a presidente Dilma obteve 39% das intenções de voto. Aécio somou 15% e Marina, 13%.

Na simulação com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no lugar de Dilma, o petista aparece com 42% das intenções de voto.

Aécio obteve 17% e Campos, 6%.

O levantamento foi feito entre 10 e 14 de abril com 2.002 pessoas em 140 municípios. A margem de erro máxima é de 2 pontos percentuais. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral no dia 12 de abril sob o protocolo BR-00078/2014.

Deu na Agência Estado


José Wilde pede demissão do Ministério da Previdência

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 17 de abril às 19:33


Apontado como recebedor de R$ 20 mil de uma empresa de fachada do doleiro Alberto Youssef – alvo maior da Operação Lava Jato –, o jornalista José Wilde de Oliveira Cabral, assessor especial do ministro da Previdência Social, pediu exoneração do cargo nesta quinta feira, 18.

Logo cedo ele entregou uma carta ao ministro, Garibaldi Alves, na qual afirma que “não tem, nem nunca teve qualquer relação profissional com a M.O Consultoria”.

“Pelo valor divulgado do pagamento feito a mim, é razoável supor que se trata de remuneração por serviço de assessoria de imprensa que prestei em 2010, com pagamento efetuado no primeiro semestre de 2011”, assinala José Wilde, em nota. “Não tenho, nem nunca tive qualquer relação profissional com essa empresa M.O. Consultoria.”

O ex-assessor especial do ministro afirma que a empresa para a qual prestou assessoria, “obviamente com cláusula de confidencialidade, como comum nas questões de tratamento de imagem pública”, desempenhava atividades legais no mercado.

“A propósito, esse trabalho esporádico que então desempenhei não me permitiu tomar conhecimento de eventuais relações entre a empresa, suas coligadas e outras companhias”, argumenta.

“Causa-me justa indignação qualquer insinuação da mais remota ligação minha com pessoas ou empresas envolvidas em negócios escusos, especialmente neste caso, em que prestei serviços lícitos, não sendo de meu dever pesquisar a origem de recursos que, também licitamente, me foram destinados”, pondera o ex-assessor especial do ministro da Previdência.

José Wilde anota que, para que possa defender sua honra longe de deveres funcionais, assinou, em caráter irrevogável, pedido de exoneração do cargo de assessor especial do ministro.

“Reitero a minha admiração, respeito e afeto pelo ministro Garibaldi Alves Filho, homem público que honra e dignifica o Rio Grande do Norte e o Brasil”, diz José Wilde, no texto que divulgou.

“Agradeço a ele pela oportunidade de integrar, nos últimos anos, a equipe que o auxilia na busca do fortalecimento da Previdência Social brasileira.”

Deu no Estado de São Paulo


PMs e Bombeiros anunciam paralisação na terça

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 17 de abril às 11:29


Os policiais militares e bombeiros do Rio Grande do Norte decidiram endurecer o movimento e vão iniciar uma paralisação já na próxima terça-feira, dia 22 de abril.

As categorias estão acampadas em frente à Governadoria há mais de uma semana e, agora, só vão sair de lá depois que o projeto de Lei de Promoção de Praças for enviado à Assembleia Legislativa e sancionado.

Os militares realizaram uma assembleia no próprio acampamento, nesta quarta-feira (16), e deliberaram pelo início de uma paralisação, logo após o feriadão.

Eles lutam para que o Governo envie a Lei de Promoção para a Assembléia Legislativa.

Além disso, eles votaram pela permanência do acampamento e deliberaram que vão se manter na frente da Governadoria até que o projeto seja sancionado.

O presidente da Associação dos Cabos e Soldados da PM-RN, soldado Roberto Campos, informou que os militares já receberam apoios do Conselho Estadual de Direitos Humanos e da Ordem dos Advogados do Brasil no RN para continuarem na luta.

Apesar de terem como foco principal a Lei de Promoção de Praças, os policiais e bombeiros militares decidiram criar uma pauta de reivindicações com outros pontos urgentes para as categorias.

Entre eles estão: pagamento dos níveis do subsídio e das férias; implantação de um auxílio alimentação; fornecimentos de material de trabalho adequados; reajuste de 15% no subsídio; e convocação dos 824 candidatos aprovados na segunda fase do último concurso realizado pela PM.

Fonte: Assessoria


Os trabalhos da Ação Global

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 17 de abril às 11:05


Conheça os trabalhos que serão oferecidos durante a Ação Global na próxima semana:

– Emissão de documentos (Carteira de Trabalho, CPF e fotos): Ação desenvolvida pela Secretaria de Estado Justiça e Cidadania – SEJUC;
- Alistamento Militar (9º Delegacia de Serviço Militar – Junta de Serviço Militar);
- Atendimentos e orientações para os usuários da Companhia de serviços de água e Esgoto do RN – CAERN;
- Atendimentos em Odontologia (Exodontia e profilaxia)
- Atendimentos, orientações, palestras, distribuição de lâmpadas econômicas, cadastros, e outros serviços oferecidos aos usuários da Companhia de serviços Elétricos do RN – COSERN;
- Realização de oficinas pelo Solar Bela Vista (SESI);
Dia 23/04: Oficina de Origami
Dia 24/04: Oficina de Perna de Pau
Dia 25/04 (Sexta feira): Acrobacias de solo
- Realização de cursos rápidos e degustação, promovidos pelo SESI Cozinha Brasil (Unidade Móvel);
- Realização de curso de fabricação de massas e de confecção de salgados, realizado em uma Unidade Móvel do SENAI;
- Conserto de eletrodomésticos, realizado pelo Centro de Tecnologia em Gás e Energias Renováveis – CTGÁS-ER (SENAI);
- Realização de atendimentos no Circuito Saúde (Aferição de pressão, peso, altura, circunferência abdominal e orientações nutricionais);
- Atendimentos no Escovódromo (Aplicação de flúor, palestra, orientações e entrega de kit com escova e creme dental)
- Atendimentos de Prática Jurídica pela UNI-RN (Os atendimentos acontecerão em uma Unidade Móvel);
- Sessões de cinema (Uma parceria com a Intertv Cabugi e Globofilmes);
- Atendimentos da Defensoria Pública do Estado;
- Atendimentos de Prática Jurídica pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte -UERN e Ordem dos Advogados do Brasil/RN – OAB/RN;
- Campanha de doação de Sangue (Ação promovida pelo SESI, em parceria com o hemocentro do estado – Hemonorte,);
- Campanha de conscientização contra a Dengue (Ação promovida pelo SESI, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde).


Ação Global começa na terça-feira

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 17 de abril às 11:01


Uma semana de prestação de serviços, ações de cidadania, cursos, oficinas, distribuição de lâmpadas, atendimentos nas áreas jurídica, de saúde, educação, além de ampla programação cultural, tudo inteiramente gratuito.

É que ocorrerá de 22 a 26 de abril (terça a sexta-feira da próxima semana) durante a Ação Global, parceria do SESI-RN (Serviço Social da Indústria) com a Intertv Cabugi.

O evento será realizado das 8 às 17 horas Complexo Cultural de Natal (Av. João Medeiros Filho, Zona Norte).

Tradicionalmente a Ação Global é realizada em todo o país em um único dia, que este ano será no dia 26 nos demais estados da federação.

Mas por decisão do presidente do Sistema FIERN, Amaro Sales, o Rio Grande do Norte terá uma semana de atividades voltadas à população mais carente.

O tema deste ano será “A Mulher e sua Importância para a Qualidade de Vida na Família”.

O evento facilita o acesso a direitos que são essenciais a todos os cidadãos.

Em um mesmo dia e local, os participantes podem ter documentos emitidos e receber atendimento médico, psicológico e jurídico gratuito.

Quem nunca teve uma certidão de nascimento, cédula de identidade, CPF ou título de eleitor pode, finalmente, passar a fazer parte das estatísticas oficiais do país.

Também é possível oficializar a união pelo casamento ou a separação pelo divórcio.

Realizada desde 1995, a Ação Global já beneficiou mais de 18 milhões de pessoas e prestou mais de 30,6 milhões de atendimentos.

Por seu impacto e abrangência, a iniciativa funciona como um termômetro das necessidades da população brasileira.

Ao identificar e chamar atenção para essas carências, o SESI estimula as empresas a criarem programas de responsabilidade social, ajuda a orientar políticas públicas e contribui para o desenvolvimento sustentável do país.

Fonte: Assessoria


Governo entrega novos leitos de UTI

Em por Ricardo Rosado
Atualizado em 17 de abril às 10:51


O Governo do Estado concretizou, na tarde desta quarta-feira (16), mais uma etapa do compromisso para o aumento da oferta de vagas de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) na rede hospitalar do Rio Grande do Norte.

A Governadora Rosalba Ciarlini, acompanhada dos secretários da Saúde e da Infraestrutura, Luiz Roberto Fonseca e Kátia Pinto, inauguraram nesta quarta-feira (16), a obra de reforma e ampliação do Hospital José Pedro Bezerra, mais conhecido como Santa Catarina, situado na zona Norte de Natal.

Também participaram da solenidade, o diretor geral da unidade, Jaime César Melo, e a diretora técnica, Lienca Pinto.

O valor investido pelo Governo do Estado foi de R$ 1.997.221,04 aplicados na construção da área administrativa, estação de tratamento de água do hospital, além da Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

No plano de obras inauguradas no Hospital Santa Catarina destaca-se a implantação de 11 leitos de UTI, somando agora 66 leitos de Unidade de Terapia Intensiva implantados no período de um ano, na rede estadual de saúde.

A Sesap trabalha agora para abrir no Hospital Universitário Onofre Lopes (Huol) mais nove leitos de UTI até o final deste primeiro semestre de 2014.

Fonte: Assessoria