Conexão Enem prepara estudantes na reta final para o Exame

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 30 de agosto às 10:45


Quem vai fazer as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está contando os dias. E falta pouco. A turma não quer perder tempo e cada dica pode fazer a diferença. Por isso, a TV Assembleia apresenta semanalmente o programa Conexão Enem, com aulas preparatórias para o Exame e agora com aulas presenciais, com a participação de alunos de escolas públicas, cadastrados pela Secretaria de Educação do Estado. Neste domingo (28) pela manhã aconteceu mais um aulão aberto ao público e transmitido pela TV direto do auditório da Casa.

O programa é apresentado pelo professor João Maria, que exibe o Conexão Enem todas as quintas, das 19h30 às 20h30. “Estamos apresentando e discutindo os temas mais recorrentes do ENEM em todas as áreas, contribuindo para o reforço do aprendizado dos candidatos que irão prestar o Exame”, disse o professor.

Neste domingo as aulas abordaram as disciplinas de Filosofia, com o professor Phillipe Castro; Geografia, com Carlos Alex e História, com Felipe Mikael e Kleyton Andrade.  Além dos alunos que podem participar no auditório, quem tá acompanhando pela TV Assembleia pode enviar, através do Whatsapp, perguntas para os professores.

Os aulões presenciais acontecem nos últimos domingos e os próximos acontecerão em setembro e outubro, das 8h às 12h, na sede do Poder Legislativo.

Educação

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte tem levantado a bandeira da educação. Prova disso são os investimentos na Escola da Assembleia, que oferece cursos gratuitos para a população e capacitação para os servidores públicos, com cursos de graduação, pós-graduação e mestrado. Para o presidente da Casa, o deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), esse é o caminho para o desenvolvimento econômico e social do Estado. “A educação é, sem dúvida, a solução para uma sociedade mais justa. Por isso, defendemos que também é papel do Poder Legislativo contribuir neste sentido”, afirmou.


“Recortes do Cotidiano”: crônicas potiguares ganham palco do Teatro Riachuelo

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 30 de agosto às 10:30


Das páginas dos jornais para os palcos. Esse é o caminho que crônicas de autores brasileiros vão percorrer até a noite de amanhã (30), quando o espetáculo “Recortes do Cotidiano” chega ao Teatro Riachuelo, em Natal, para única apresentação. A produção, que reúne dramaturgia, dança e música, tem a assinatura do Complexo Educacional Contemporâneo e conta mais de 500 pessoas em cena.

A narrativa da crônica tem como característica principal o relato do cotidiano. Porém, a visão crítica dos fatos é um outro traço marcante desse gênero textual, razão pela qual temas controversos são recorrentes na sua prosa. Em tempos de participação social relevante Brasil afora, o espetáculo busca numa estrutura de texto centenária, pontos de vista atuais, que justificam até mesmo o contestar da população nas ruas.

Ao todo, 16 crônicas ganham uma versão moderna e dinâmica no palco, por meio de “Recortes do Cotidiano”, com canções conhecidas, elementos cênicos criativos e coreografias contemporâneas. São textos de autores celebres como o realista Machado de Assis e o pós-modernista Carlos Drummond de Andrade, mas também de outros amigos das letras com obras mais recentes, a exemplo de Luís Fernando Veríssimo e Arnaldo Jabor.

Há ainda nomes potiguares entre o rol dos cronistas que vão ter as suas palavras interpretadas, cantadas e dançadas na produção. De autoria de Luís da Câmara Cascudo, a crônica “Proteção da Alegria Popular” terá a sua versão teatral. Também norte-rio-grandense, o jornalista e escritor Vicente Serejo emprestou “Ah, as elites!” como um dos textos que serviu de matéria prima para a montagem do espetáculo.

“Recortes do Cotidiano” visita grandes crônicas brasileiras, saudando seus autores e as relacionando com o contexto atual, e dá vida a escritos por meio da música, da dança e do teatro. Com direção geral de Irany Xavier de Andrade e Mariany Andrade e coreografias de Rubens Barbosa, o espetáculo corresponde a 11ª edição do projeto “Fest Show”, do Contemporâneo, e utiliza recursos artísticos incrementados para lembrar o público de algo que dispensa pompas: a força da palavra.


(Vídeo) Revolta: turista diz que não volta mais a Natal por conta de protesto de taxistas contra o UBER

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 28 de agosto às 22:47



Integrantes da Banda Plutão já foi Planeta são os primeiros a usar UBER em Natal

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 26 de agosto às 14:20


Que já usou UBER recebeu um e-mail do serviço informação que ele chegou em Natal e está operando desde as 14h. Na publicação uma foto dos integrantes da banda potiguar ‘Plutão já foi Planeta’ que ficou em segundo lugar no reality musical da TV Globo, Superstar.

Hoje já teve protesto de taxistas e confusão com a chegada do serviço e uma audiência pública está marcada na Câmara Municipal de Natal.

Na sessão ordinária desta quinta-feira (25), a Câmara Municipal de Natal aprovou um requerimento de autoria do vereador Sandro Pimentel (Psol), subscrito pelo vereador Dagô do Forró (DEM), para realização de audiência pública sobre o uso do Uber no âmbito do Município. O encontro acontecerá no dia 30 de agosto, a partir das 8h da manhã, no plenário da Casa.

image


Começa hoje o horário eleitoral

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 26 de agosto às 12:45


Começa nesta sexta-feira (26), em todo o Brasil, o horário eleitoral de partidos e candidatos que concorrem a cargos de vereador e prefeito. O horário eleitoral será exibido em rádios comunitárias, em emissoras de televisão que operam em VHF e UHF e nos canais de TV por assinatura de responsabilidade das câmaras municipais. Os candidatos, os partidos políticos e as coligações são os responsáveis pelo conteúdo.

Neste ano, o período da propaganda gratuita vai ser mais curto. Por causa da minirreforma eleitoral, aprovada em 2015, o tempo de 45 dias foi reduzido para 35. Além disso, não haverá mais propaganda em bloco para os candidatos a vereador. A veiculação de propaganda paga no rádio ou na TV fora do horário gratuito também é proibida.

O horário em que a propaganda é exibida leva em consideração o horário oficial de Brasília. Quem calcula o tempo a que cada candidato tem direito é o juiz eleitoral de cada município.

image


INSS: Beneficiários começam a receber primeira parcela do 13º salário

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 26 de agosto às 11:49


Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que recebem um salário mínimo e têm cartão com final 1, desconsiderando-se o dígito, começarão a receber a primeira parcela do 13° salário. Tem direito ao pagamento quem recebeu, durante o ano, benefício previdenciário como aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão ou salário-maternidade.

Os pagamentos serão feitos até o dia 8 de setembro. A segunda parcela será paga em novembro.


Governador muda titular da saúde

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 26 de agosto às 10:39


O governador Robinson Faria anunciou o nome do bioquímico George Antunes de Oliveira para assumir a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), em substituição à médica Eulália de Albuquerque Alves, que respondia pela pasta desde abril deste ano. A mudança será publicada na edição deste sábado (27) do Diário Oficial do Estado.

George Antunes de Oliveira é farmacêutico bioquímico, graduado pela UFRN, com especialização em Administração Hospitalar, Gestão Financeira e Gestão Pública. Foi secretário adjunto e titular da Saúde do Estado em gestões passadas e adjunto da Secretaria Municipal de Saúde de Natal.

Foi ainda diretor da Unidade de Agentes Terapêuticos (Unicat) e dos hospitais Giselda Trigueiro e Maria Alice Fernandes. Na iniciativa privada também dirigiu o hospital da Unimed, entre outros.


Aplicativo permite denúncia de irregularidades na eleição

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 24 de agosto às 07:56


Mais de 144 milhões de brasileiros vão às urnas em outubro deste ano para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos cinco mil 568 municípios do país. Para incentivar o papel de fiscalizador do eleitor, a Justiça Eleitoral aprimorou os instrumentos de controle do processo eleitoral.

Por meio eficaz e ágil de combate à corrupção, resguardando a legitimidade das eleições e a igualdade na disputa dos cargos eletivos, o Tribunal Superior Eleitoral já disponibilizou, em âmbito nacional, o aplicativo para dispositivos móveis chamado Pardal. A ferramenta permite ao eleitor denunciar infrações eleitorais por meio do envio de textos, vídeos, fotos ou áudios, para auxiliar a Justiça Eleitoral na fiscalização e manutenção da regularidade das campanhas eleitorais.

No Pardal, os ilícitos eleitorais estão classificados em: propaganda eleitoral; compra de votos; uso da máquina pública; crimes eleitorais; doações e gastos eleitorais, entre outros. As notícias de ilícitos serão encaminhadas automaticamente para bancos de dados com acesso do Ministério Público Eleitoral e cada Tribunal Regional Eleitoral também será informado sobre as supostas infrações. O Pardal Móvel já está disponível no Google Play e nos sistemas iOs e Android.

image


O que representa a cadeira vazia do prefeito Carlos Eduardo no primeiro debate?

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 23 de agosto às 07:42


Das minhas memórias de infância, recordo que após o almoço meu pai costumava ouvir em sua radiola um vinil de Nelson Gonçalves, e uma das canções, “Naquela mesa”, trazia em sua letra uma mensagem muita linda sobre a falta que um pai faz.

Em um dos versos “Naquela mesa tá faltando ele e a saudade dele tá doendo em mim”.

Naquela mesa do debate da 95fm faltou a presença do prefeito Carlos Eduardo, que assim como os demais candidatos à prefeitura de Natal, foi convidado a participar do evento.

As regras foram discutidas previamente e democraticamente com os assessores dos candidatos.

O prefeito sequer enviou um assessor para participar da reunião.

‘Naquela mesa tá faltando ele’ mas a saudade dele não dói em mim.
Dói em todos os natalenses que esperam do prefeito a sua participação num momento de eleição para debater, e até mesmo defender a gestão onde ele já busca a reeleição.

A ausência mais sentida do debate foi duramente criticada pelos adversários do prefeito.
Eles também sentiram sua ausência.

O prefeito faltou com respeito com todos os eleitores, com os adversários e com a cidade.
Parece arrogante a ausência de quem acha que não precisa debater os problemas da cidade ou ele acha que Natal não tem problemas?
Ou ainda pior, como foi levantado por vários adversários, acredita que já está reeleito?

‘Naquela mesa tá faltando ele’.
Tá faltando e essa música fala da ausência de um pai.
Ontem vi o quanto um pai e líder faz falta na vida de alguém como Carlos Eduardo Alves.
Pois duvido que, se vivo estivesse, Agnelo Alves, pai do prefeito, permitiria que ele fugisse de um debate.

Naquela mesa e naquela família, faz falta a lucidez de Agnelo Alves.

image


(Vídeo) Um surto ‘pokemon’ na UFRN

Em por Eugênio Bezerra
Atualizado em 19 de agosto às 14:49


Um jovem teve um surto e saiu quebrando tudo pela frente no centro de convivência da UFRN, ele só parou quando tentou fazer o mesmo dentro da agência bancária do BB do Campus, mas acabou detido por seguranças e populares.

A todo instante, o rapaz gritava POKEMON!!